Em dois dias de atendimento, 513 vítimas do incêndio em Educandos, que deixou desabrigadas mais de 700 famílias em 17 de dezembro do ano passado, receberam novas doações de alimentos, roupas e sapatos, na Agência de Desenvolvimento Local (ADL) Cajual, Morro da Liberdade. Do total, 337 pessoas realizaram a retirada dos donativos na quinta-feira, 28/2, e mais 176 receberam nesta sexta-feira, 1 de março.

Todas as pessoas que receberam as doações arrecadadas pela Prefeitura por meio da campanha #ManausSolidária estão cadastradas pela Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), responsável ainda pelo acompanhamento social às famílias. As ações para entrega dos itens doados por empresas, instituições públicas e cidadão às vítimas do incêndio, terão continuidade até o mês de junho.

Nos dois dias de ação no Cajual foram entregues às 513 famílias atendidas, 1200 cestas básicas, 100 fardos de fraldas, 735 kits de higiene, 500 pacotes de roupas e 300 pares de sapatos. Nas cinco ações ocorridas para entrega de doações diretamente às famílias, já foram distribuídas mais de seis mil cestas básicas.

Além da doação de alimentos e outros itens básicos, a Prefeitura oferece oportunidades de qualificação para as vítimas do incêndio. Equipes da Secretaria Municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi) se uniram ao Fundo Manaus Solidária e estão promovendo capacitação profissional através de cursos e palestras. A iniciativa conta com a parceria do Conselho Comunitário do Bairro de Educandos (CCBE).

Mais de 1.000 voluntários, ao todo, apoiaram a campanha #ManausSolidária desde o início, horas após o incêndio que deixou mais de 700 famílias desabrigadas na noite de 17 de dezembro, numa mobilização de fraternidade que continua firme dois meses após a tragédia. Nesta última ação, os motoristas da Rent a Car se apresentaram para ajudar na entrega das doações.