Fundo Manaus Solidária participa pelo segundo ano do Passo a Paço

Incentivar o protagonismo solidário é uma das premissas do Fundo Manaus Solidária e foi nesse contexto que o Manaus Solidária participou pela segunda vez do Passo a Paço. Bem como no ano passado, neste também a população foi convidada a se fazer solidária nas ações apoiadas ou encabeçadas pelo Fundo Manaus Solidária. Com a campanha Sou Solidário, Sou Voluntário a população foi convidada a conhecer um pouco mais sobre as atividades desenvolvidas pelo Fundo, bem como participar delas.

Filho por um Dia, Natal do Abraço, Ação de saúde e cidadania para mulheres em situação de rua, Mês da Mulher – Março Lilás (com atividades de saúde, cidadania, orientação jurídica), Festa do Dia das Crianças, Arte Comunidade e outros foram algumas das iniciativas retratados no painel fotográfica exposto no stand.

Um vídeo institucional também foi veiculado com o intuito de sensibilizar a sociedade sobre a importância das causas defendidas e apoiadas pela Prefeitura de Manaus, por meio do Fundo Manaus Solidária. Mais de cinco mil pessoas passaram pelo stand do Fundo Manaus Solidária e tiveram a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre as ações da secretaria do município.

Além de informações sobre as atividades desenvolvidas pelo Manaus Solidária, a população também pôde vivenciar na prática uma dessas iniciativas. Os “abraços grátis”, distribuídos pela turma do Parque Cidade da Criança, fizeram a alegria de adultos e crianças que passaram pelo stand.

“Gostei muito de ser recebido no Passo a Paço com abraços, essa foi uma iniciativa muito bacana. Em um mundo cada vez mais violento e de pessoas desconfiadas é bom quando alguém te abre os braços e te recebe com um abraço”, disse o autônomo Gilmar Fonseca, 53.

Quem também passou pelo stand e se encantou com algumas das ações foi Bela Gil, atração nacional do Passo a Paço. Acompanhada da vice-presidente do Fundo Manaus Solidária, Mônica Santaella, Bela Gil conheceu, por meio do painel fotográfico, algumas das atividades já realizadas e teve especial empatia com o “Filho por um Dia”.

“Fiquei encantada com a atividade do ‘Filho por um Dia’. Os idosos merecem nosso respeito e também muito do nosso carinho. Achei muito interessante essa iniciativa que se propõe a levar companhia para idosos que estão em abrigos e que muitas vezes não tem companhia de familiares. Parabéns a todos os envolvidos”, elogiou.

Conforme a presidente do Fundo Manaus Solidária, Elisabeth Valeiko Ribeiro, a ideia é ensinar um pouco mais sobre educação solidária, onde os recursos financeiros são bem-vindos, mas o amor, o tempo, a generosidade e os gestos de carinho e atenção também são e se equivalem em importância. E além disso, o stand do Manaus Solidária foi ao Passo a Paço como uma forma de prestação de contas à sociedade que tanto contribui para a realização das ações de solidariedade.

“É importante mostrar para as pessoas que o bem pode ser feito de várias formas e não apenas com dinheiro. Uma roupa que não te serve mais, um pouco do seu tempo, uma habilidade que você tenha como costurar, cortar cabelo, cantar. Qualquer uma dessas habilidades pode fazer bem para o outro se for estimulado e usado da forma certa. É também isso que nós queremos mostrar para as pessoas, que todos nós temos algo para doar, para acrescentar e fazer bem na vida do outro. Por isso fica o convite, acesse o nosso site e se inscreva como voluntário, você não vai se arrepender”, disse a presidente do Manaus Solidária.

Passo a Paço

Com público recorde, um total de 93 mil pessoas, o Passo a Paço 2018 inaugurou uma nova perspectiva de festival em Manaus, com palcos simultâneos e mais de 15 horas de programação cultural. Localizado no berço histórico da cidade, o Paço da Liberdade e todo o seu entorno foram ocupados no último fim de semana por shows musicais, danças, gastronomia, teatro e feira de arte criativa. No domingo, 2/9, o público foi de 57 mil pessoas, superando o sucesso do sábado, 1º de setembro, que teve mais de 36 mil visitantes.

“O evento chega à quinta edição. E o que começou médio, agora faz parte do coração do manauara e é um sucesso, um grande festival. Fico muito feliz porque é uma conquista para todos. Fazemos, pelo menos, uma edição por ano e vamos continuar fazendo porque queremos que vire um fato turístico nacional. Quero que as pessoas digam: ‘Estou em São Paulo, Santa Catarina, Ceará e vou pegar um avião para ver o Passo a Paço em Manaus’. Isso vai acontecer, se Deus quiser”, disse o prefeito Arthur Virgílio Neto, que prestigiou a segunda noite do evento, acompanhado da primeira-dama e presidente do Fundo Manaus Solidária, Elisabeth Valeiko Ribeiro.

—-

Fotos: Karla Vieira / Manaus Solidária

Disponíveis em: https://flic.kr/s/aHskE6n7JB