Entrega de donativos da campanha #ManausSolidária beneficia 590 famílias

Prefeitura de Manaus, por meio do Fundo Manaus Solidária e da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), realizou nesta quarta-feira, 17/7, na Agência de Desenvolvimento Local (ADL) Cajual, no Morro da Liberdade, zona Sul, mais uma entrega de donativos às famílias atingidas pelo incêndio em Educandos.

Foram doadas cestas básicas, roupas e itens de cama, mesa e banho arrecadados por meio da campanha #ManausSolidária. Desta vez, 590 famílias foram beneficiadas.

Os donativos foram entregues às pessoas cadastradas pela Semasc, e conforme a titular da pasta, Conceição Sampaio, a ação da Prefeitura de Manaus tem sido permanente desde o momento do incêndio, tanto no acolhimento quanto na atenção básica mais urgente às famílias afetadas pelo incêndio.

“Aqui no Cajual nós não fazemos somente entrega de cestas, mas também conversamos com as pessoas. Procuramos saber como elas estão seguindo após aquele momento tão difícil. Estamos tendo o cuidado de ouvir as famílias para construirmos juntos a solução que será mais definitiva para essas pessoas, essa é uma preocupação do prefeito Arthur Neto e da presidente do Fundo Manaus Solidária, Elisabeth Valeiko Ribeiro”, informou Conceição.

Ela também ressaltou o papel fundamental da população na assistência às famílias. “Manaus soube praticar a solidariedade. Contribuiu com donativos, trouxe o voluntariado para esse trabalho e se empenhou em fortalecer a campanha #ManausSolidária”, observou.

Uma das famílias beneficiadas com a entrega de donativos foi a da manicure Maria Irlanda Bandeira, 52. Mãe de uma menina de 8 anos, Maria Irlanda disse que as doações de roupas e alimentos têm ajudado bastante.

“Essas doações me ajudam muito. Não trabalho fora porque não tenho com quem deixar a minha filha e se fosse só o dinheiro da manicure as coisas estariam mais difíceis. Os alimentos são muito importantes e as roupas também. As roupas eu diminuo, vou ajustando e está quebrando um grande galho”, afirmou.

Quem também ressaltou o trabalho realizado pela Prefeitura de Manaus desde o incêndio, ocorrido em 17 de dezembro de 2018, foi a dona de casa Maria da Conceição Ribeiro Maia, 62. “A prefeitura tem sido uma benção para nós desde o início. Tem nos ajudado com o auxílio-aluguel, donativos, roupas, emissão de documentos e tudo mais que foi necessário. Nos beneficiou quando mais precisamos e com certeza tem trazido resultados positivos para as nossas vidas”, declarou.

A vice-presidente do Fundo Manaus Solidária, Mônica Santaella, lembrou a importância de a sociedade manter o espírito de colaboração e apoio, independentemente de tragédias como a do bairro de Educandos.

“Após todos os filtros que fizemos, ficaram, aproximadamente, 600 famílias no cadastro de atendimento da Semasc e a essas famílias foram e estão sendo dadas todas as atenções necessárias, conforme a orientação do prefeito Arthur e da primeira-dama Elisabeth Valeiko. As cestas doadas acabaram, as que distribuímos nessa ação já foram  as adquiridas pela prefeitura e as roupas ainda são provenientes de doações. Essa junção de esforços foi o que permitiu o resultado positivo que obtivemos. Aliás, é necessário ressaltar que o Fundo Manaus Solidária recebe doações o ano inteiro. Temos outros públicos em situação de vulnerabilidade e se Manaus quiser continuar com essa onda de solidariedade, quem desejar fazer doações pode nos procurar”, finalizou.

Texto – Michele Gouvêa / Manaus Solidária

Fotos – Karla Vieira / Manaus Solidária

Disponíveis em – https://flic.kr/s/aHsmFdskAQ